segunda-feira, 21 de julho de 2014

Sobre sexo e meninas invadidas

O que é que passa então nos tecidos da pele da mulher, da menina, devo dizer até?

Sente medo. Desejos. Prazeres e desassossegos.

Às vezes, se pode pensar que na pele de qualquer moça, essas sensações se escorrem. O que seria loucura é dizer que elas sentem e se comportam do mesmo jeito dentro dessas sensações.

A menina, que era menina ainda, tinha idade de mulher jovem. Desejos de mulher jovem, mas, marcas de feridas imensas.

E o sexo que há meses atrás fora amigo, natural, fácil e bom, agora lhe assustava.

Pensava que seria fácil, que estar com quem se ama fosse o suficiente pra espantar os fantasmas... As marcas, os medos...

Tentava, mas, não conseguia soltar os dedos, os desejos, os lábios.

Existem terapias que ajudam a mente. Mas quem pode conversar com a pele?

Nenhum comentário: