quinta-feira, 9 de setembro de 2010

E o que existe dentro da vida, que exista fora das palavras?


Capítulo I


A história que os homens contam


Era uma vez um homem sem nome e sem idade, que vivia em dias onde não havia horas ou qualquer tempo que fosse findar.

Certo instante decidiu dar início a uma criação. E então criou, deu vida ao universo, e isso fez, fazendo uso das palavras.


E disse: Haja luz. E houve luz.




[ Não posso falar sobre palavras, sem falar da minha vida, então será um conto curto - postado todas as quintas feiras - começando hoje e terminando na ultima quinta do mês... Espero que gostem é sobre essa coisa de vida, palavra e eu... Beijos e obrigada pelo carinho de todos.]

12 comentários:

Clara disse...

Verdade mesmo, a palavra foi o início de tudo... Tem até uma passagem muito bonita: "Fez-se o verbo!".

Engraçado, eu sempre me senti 'brigada' com as palavras, por não ser muito de conversa. Perceber a poder da comunicação pela escrita foi certamente um marco na minha vida, um passo em favor da minha comunicação e socialização... Acho bonito você prestar essa homenagem às palavras, afinal elas são mais importantes do que imaginamos.

Clara disse...

Ah e parabéns pelo seu aniversário de data engraçada -09/09!

Rebeca Postigo disse...

Ah...
Palavras...
Tão simples e donas de um poder inimaginável...
Lindo!!!

Bjs

Rebeca Postigo disse...

Parabéns pelo seu niver...
Hehehe...
Já é dia 10...
Mas ainda vale, né???
Hehehe...
Tati tudo de bom pra ti e que esse seja mais um ano de muitas experiências e alegrias...

Bjs

Grafite disse...

divino!
as palavras tem mesmo um poder incrível =D

beiijo
*.*

Camila disse...

Adorei *-*

Inercya disse...

Você me faz perceber que, sem as palavras, a vida seria sem graça. Gosto como você dá importância a elas.

E esse conto curto me lembra A criação. Seria essa sua intenção?
Mas bem, apesar de eu escrever coisas longas, admiro quem escreve coisas curtas e interessantes. Espero que entenda a minha sinceridade. (:
;*

Monique Premazzi disse...

Adorei demais o inicio e vou ficar super curiosa para ler os outros posts :) Vai ficar demais, amiga! E obrigada pelas palavras no meu post passado, você tem razão, eu tenho que parar de querer aprender algo que já nasceu comigo e só falta ser descoberto.

Beijinhos ;*

Cris Souza disse...

Postado tbm às meias-noites, né? kkk
Adorei a sua iniciativa e por mais que nossos e-mails tenham dado uma esfriada, eu sempre venho aqui até quando não comento. Porque às vezes o que eu quero dizer não encontra existência nas palavras. E o melhor é saber mais de você.

Fernanda Silvério *-* disse...

muito lindo, ;*
parabéns *--*


que tuudo de certo em sua vida;

visite-

http://fersilverio.blogspot.com/

Rodolpho Padovani disse...

E as palavras tem todo esse poder, de criação...
Adorei Tati, amanhã tem a outra parte né?

Bjs =)

Xandy Britto disse...

Gosto muito! E acompanharei! OTEMO! Bjokas XB