quinta-feira, 3 de junho de 2010

[Palavras Mil]


Eu me abro, tu se fecha

Tens fechado os olhos durante anos, e por mais que tu ainda observes o caos que tens causado com esse movimento de suas pálpebras,

Não tens deixado de fazê-lo.


Com os olhos fechados, adormeces os seus sentidos mais sensíveis,

E sendo ainda homem, abandona as características que te faz humano

Não vê, não ouve, não sente.

E não fazes nada pra alterar o abismo em que os homens se afundam

.

És mais um que se afoga,

Naufraga junto à existência demente dos homens que sabem,

E se esforçam, mas não muito, para não sentirem nada

.

Fechando os olhos, se fecha.

Anula seus sentidos, sua capacidade de se envolver, de agir contra essa desordem,

Essa matança da própria fonte de vida

.

Gostaria muito que tu não fosses tão fraco,

Que fosses menos egoísta do que fraco, até

.

E moço entenda, eu sei que tu nunca que vai se humilhar assim,

Admitir que tu, precisas de todas essas plantinhas indefesas para viver,

Ou de qualquer natureza,

É, homem feito

.

Ser humano desfeito já.

Tu és,

Bem diferente de mim

.

20 comentários:

Babizinha disse...

"Essa matança da própria fonte de vida"

Que certeiro teu texto, Tati. Muito boa participação, boa sorte! (:

Beijos
:*

Essência e Palavras disse...

Que lindo!

Infelizmente as pessoas estão se desfazendo aos poucos deixando de Ser Humano, para ser humano.

beejo querida!

Rodolpho Padovani disse...

Enquanto o homem não abrir os olhos, ver, sentir e abandonar todo o egoismo, o mundo vai continuar como está, sendo destruido cada vez mais e isso reflete um consequência devastadora para todos nós, infelizmente.

Bjs...

Silvia C. Barbosa disse...

Sábias palavras. Texto perfeito...

Beijos e bom fim de semana.

Sarah Slowaska disse...

"Não vê, não ouve, não sente.
E não fazes nada pra alterar o abismo em que os homens se afundam"

Adorei isso.

Chica disse...

Muito lindo tudo isso!Marcante!beijos,chica

Irene Moreira disse...

Bem dito - a matança da própria fonte de vida.
Belíssima participação.
Beijos

Ju Fuzetto disse...

Espetacular!!!!!


Vc escreve com a alma!!


bom final de semana flor, se cuida!!!

beijinhos

Alessandra Almeida disse...

Que lindo tão Tati, também adoro o que tu escreve, passou com sensibilidade algo que acontece no mundo, algo que dá raiva.
Lindo mesmo Tati!

Beijão, Alessandra.

meus instantes e momentos disse...

lindo post.
Muito bom teu blog.
Maurizio

Wendy disse...

é um absurdo o q as pessoas fazem.

Doce Nostalgia disse...

"Fechando os olhos, se fecha.

Anula seus sentidos, sua capacidade de se envolver, de agir contra essa desordem,

Essa matança da própria fonte de vida."

Lindo, lindo, lindo ................

Dar pra sentir o que você quis passar com esse texto!

Adorei!

Beijos linda^^

Monique Premazzi disse...

Muito refleximo esse texto, amiga. Amei.
Acho que o ser humano está cego por tanta coisa informação ao mesmo tempo, ele se fecha no seu mundo, e sem se dar conta é um egoista.

LINDO *-*
É tão bom ler seus textos <3

DILERMArtins disse...

Mas bah, guria.
Parabéns pelo merecido pódio!
Acima de tudo, parabéns pelo poema, em especial pelo verso inspirado; fechando os olhos, se fecha...Lindo!
Abração.

Deyse Batista disse...

Eu sinto uma satisfação enorme sempre que vejo um comentário no seu no meu blog, mas confesso que pede a graça quando venho aqui e vejo COMO você escreve *-* Não são só os sentimentos ideais sem expressados com as palavras ideais, em uma ordem perfeita. É mais que isso, é como se fosse um encanto invisível.

''E sendo ainda homem, abandona as características que te faz humano''. O que eu posso dizer? Amei <3

Beijos!

Bruna Bianconi disse...

Tati que texto maravilhoso *-*
Eu to aqui, sem palavras.

Beijos

Monique Premazzi disse...

Passei pra dizer que TE ADOROOOOOOOO *-* kaka

Bell Souza disse...

O poema em si ficou mais que lindo! Mas eu não gostei de umas palavras em determinadas partes dando determinadas ênfases. beijos

Juliana Lima disse...

Oii tati!
parabens pelo 1° lugar no projeto, seu texto estava realmente muito bom! foi merecido!
e obrigada por ter passado pelo meu blog tantas vezes, suas criticas foram essenciais para que eu conseguisse melhorar!
e desculpa por não retribuir todas as visitas!
beiijos

Grafite disse...

que lindooo aqui!!!
adorei *O*

beiijo