sábado, 16 de julho de 2011

Para a Menina que nasceu no dia de Nossa Sra. do Carmo


"Pelo ano de 1222, dois cruzados ingleses levaram para a Inglaterra, alguns Carmelitas que habitavam o Monte Carmelo. Um homem penitente, austero, logo se uniu a eles. Era Simão Stock. Consta que tivesse ele recebido um aviso de Nossa Senhora que viriam da Palestina Monges devotos de Maria e que deveria unir-se a eles. Vieram depois tantos Carmelitas para a Europa que foi preciso nomear um Superior Geral para os mesmos. Em 1245, foi ele eleito para desempenhar este cargo. Encontrou ele dificuldades quase insuperáveis. Mandou que os Carmelitas estudassem: isto gerou uma discórdia interna, pois não queriam os mais velhos que contemplativos estudassem. O clero secular revoltou-se contra eles e pediu a Roma sua supressão. Diante de tanta oposição, Simão Stock, com seus 90 anos, retirou-se para o mosteiro de Cambridge, no Ducado de Kent, e pedia a proteção de Maria. Orava ele em sua cela, quando viu um clarão, na noite de 16 de julho de 1251. Rodeada de anjos, Maria Santíssima entregou-lhe o Escapulário, dizendo-lhe: "Recebe, filho queridissimo, este Escapulário de tua Ordem: isto será para ti e todos os Carmelitas um privilégio. Quem morrer revestido dele não sofrerá o fogo eterno".
Desde aquele 16 de julho de 1251, Nossa Senhora do Carmo jamais deixou de amparar seus devotos, revestidos do Escapulário. Passaram sete séculos, Milhões de cristãos, trouxeram o Escapulário de Maria. É verdade que aqui e acolá surgem vozes, negando a aparição e, por consequência, a devoção devida a Maria."


Nunca lhe perguntei se é ou não devota de Nossa Sra. do Carmo, mas em todo caso, acredito que independente de qualquer coisa, esse é o seu dia, que o Senhor, nosso Deus escolheu pra te enviar ao mundo e causar encanto a tantas e tantas pessoas que, assim como eu, foram cativadas por você.
Obrigada Babi por não ser do Carmo, mas mesmo assim, ter nascido no dia 16 de Julho e fazer parte da minha história. Eu te amo muito!

Eu poderia ter procurado entre as cartas de outros autores, qualquer coisa bonita pra te dizer nesta data... Poderia também, além disso, tentar usar de toda a minha perspicácia com as palavras para lhe doar textos nos estilos que você gosta ou para produzir uma homenagem melhor este ano.

Mas não sei fazer de conta e você sabe que mais do que estar com os pulmões doendo, meu coração tem latejado. Acho que desta vez, meu telhado quebrou mesmo.

É verdade que eu a amo, você sem dúvida é uma pessoa especial em minha vida, uma amiga que estimo muito e não quero que o tempo ou os caminhos te leve pra longe dos meus momentos.

Hoje te agradeço por todo esse tempo de amizade, de carinho. Por você dançar, escrever coisas que sempre consegue me tocar, por sempre estar disposta a me ouvir e dizer o que quer dizer. Agradeço Babi por você estar na minha vida com todos os jeitos que você está.

É verdade que este ano tem sido um ano diferente na minha vida, que o fim dele me deixou a sensação de que seria um ano incrível e farto de realizações, mas os tropeços e doenças que eu atrai ao longo dos meses me baquearam bastante, mas o fato é que mesmo com muita coisa tendo mudado na minha vida o meu afeto por você permanece quase intacto e digo quase pelas somas de encanto que os momentos acresceram dentro de mim por você.

Você é uma pessoa doce, frágil em muitos aspectos e ao mesmo tempo é forte, muito forte, já disse e sempre repito; - admiro muito você, sempre me encanto mais e me surpreendo com você, mesmo depois de todos esses dias de tolerância da sua parte comigo.

Sempre recordo nossas primeiras conversas, você sempre dizendo coisas que eu tinha de perguntar o que era pra compreender e mesmo hoje, isso ainda acontece e só você tem a paciência de uma pessoa Bárbara pra me explicar mil vezes até que eu entenda[ou não]...

Muito obrigada por mesmo distante conseguir me fazer te sentir sempre perto, cada conversa com você é como uma pérola que o dia me oferece como presentes as quais guardo gravadas na tábua do meu coração.

Pode parecer exagero, mas você sabe dos meus dramas, medos, traumas, frescuras e obrigada por mesmo assim permanecer ao meu lado como uma amiga fiel que atura uma Menina doida, cheia traumas e que vive crises constantes.

Continuo com a velha frase e fiel desejo; - Ainda te Mordo!



"E te espero no entardecer em um ponto qualquer à beira do Mar" Caio F. Abreu


3 comentários:

Babizinha disse...

Você faz postagem e nem me avisa? Eu não sou adivinha, poxa! E olha que você ainda me ligou, sua doidinha.
Que linda suas palavras. Você um doce, Ta-ti; até sua voz! Como gosto da sua voz de menininha... Sim, esse ano tem sido diferente, mas apesar de tudo você continua firme e forte me dando alegrias estando comigo, sendo minha amiga. Lhe agradeço de coração, Flor!

Não conhecia nada a respeito de Nossa Sra. do Carmo. Obrigada por isso também!

Beijos e "ainda te mordo"!

Essência e Palavras disse...

intenso demais , adorei!

beeejo!

Clara disse...

:) Você é uma pessoa muito doce mesmo, querida. Fico triste em saber que esse ano tem sido ruim para você, pois é uma das melhores pessoas que conheço, já te disse isso e é muito verdade.

Espero de coração que tudo melhore e que essas coisas que tem dado errado se resolvam ou virem passado logo!

Grande abraço da sua amiga sumida! :)